12 janeiro 2018

Bernardo Ramirez ― desafio 8

Certo pescador, com tremendo medo de morrer no mar e no barco, corre até à enorme casa do padre perto do mercado.
Entra e pede caldo de tomate, com salada ralada, sal e canela, no prato de prata.
O padre doente dorme a soneca na rede de seda e nem repara nele… Sorte a dele!
Pasmado corre pelo campo ao lado da escola e sobe ao plátano… Treme… O medo!
O dedo colado no sapo parte… Medo!!!
Bernardo Ramirez, 6.ºB, 11 anos, Olhão, Escola EB 2/3 Professor Paula Nogueira, Prof.ª Cândida Vieira
Desafio nº 8 – crise de letras; usar só A E O T R S P L M N D C


Sem comentários:

Enviar um comentário