31 março 2014

Um talento nasceu

Num domingo pluvioso, ao ver o cartaz à janela, hoje karaoke, decidimos para entrarmos no bar.
No bar com escassa luz pairava sobre as mesinhas uma fumaça grossa.
Uma fumaça grossa e azul que mesmo na tela turvou as palavras que dançavam no ritmo de fado do Camané.
O Camané imitador sabia cantar, no meio do fumo azul, entoou a canção tão persuasivo que os amadores de karaoke aplaudiram espontaneamente, e um talento nasceu, num domingo pluvioso.

Theo De Bakkere, 60 anos, Antuérpia Bélgica

Desafio nº 63 – fim de cada frase é igual ao início da próxima…

Sem comentários:

Enviar um comentário