12 março 2013

FOI ONTEM

O tempo hoje esteve cinzento, mesmo muito escuro. Trovejou e choveu imenso.
O vento soprou forte, do norte. O sol ficou escondido entre nuvens.
O miúdo correu com o fim de fugir do dilúvio previsto pelo boletim meteorológico.
O rio encheu, correntes fortes destruindo tudo o que surgiu em frente, inclusive o túnel que ruiu, vendo-se só montes de pedregulhos, pondo tudo em perigo.
O peixe que nasceu multicor, com olhos verdes, ficou feliz, ficou sem sede.

Rosélia Palminha

Sem comentários:

Enviar um comentário