10 janeiro 2018

Maria Luísa Rosado dos Santos ― desafio 128

Numa manhã de muito sol, um rapaz deu como finalizado o seu trabalho. Foi arquivado, sem mais demoras, na gaveta da sua secretária. Um azedume começava a crescer na garganta e uma sensação de asfixia tomou conta dele. Sem ficar assustado pensou que era idiotice o que sentia. Uma réstia de alegria o deixou pasmado consigo próprio e exclamou feliz:
Rio de Janeiro, cidade maravilhosa! Como não pensei nisso antes? É para lá que vou de férias!
Maria Luísa Rosado dos Santos, 11 anos, Nº 17, 6ºA, Escola Prof. Paula Nogueira, Prof. Cândida Vieira
Desafio nº 128 – 12 palavras com 4 no meio


Sem comentários:

Enviar um comentário