13 março 2017

Fátima Andrade ― desafio nº 116

― Ai, ai, ai... ladrões!
Aclamava o Zé Júlio a plenos pulmões.
― Roubaram-me a mercadoria! Ai, ai... roubaram os limões, o café, a água-pé, o meu Mémé, com
que eu dormia desde que nasci, a quem dei o primeiro xi. 
Ai, ai, ai... o meu Mémé, da cor do café. Como vou dormir? Para a cama não quero ir! Ai... ladrões, fiquem com os limões, o café, a água-pé, mas devolvam-me o Mémé, se não faço um banzé!
Fátima Andrade, 45 anos, de Milheirós de Poiares, Concelho de Sta. Maria da Feira

Desafio nº 116 – Zé Júlio sem T nem H

Sem comentários:

Enviar um comentário