12 setembro 2015

Vingado

Três palavras apenas.
“Mais para quê?” Laura fala assim. Simples, sem floreios. Directa, sem rodeios.
Lá vai ela. Pé ante pé. Numa cadência certeira.
“Mas que maçada.” Laura para, irritada. A maldita calçada. Contorna-a
pela estrada. Chega à esplanada. Senta-se à mesa. Chama o empregado.
“Traga-me um descafeinado.”
 “Não aceitamos fiado”
Franze o nariz. Indigna-se e diz:
“Eu não pedi…” Laura interrompe-se, estarrecida. “Oh, que estupidez.
Não chegam três”
Ficou-se a Laura. Foi-se o empregado. (Finalmente vingado.)

Ana Pessoa, 37 anos, Alenquer
Desafio RS nº 29 – sempre frases de 3 palavras apenas


Sem comentários:

Enviar um comentário