20 setembro 2015

As estações da vida

Chega o Outono. Dias pouco soalheiros. As folhas amarelecem. Abandonam as árvores. Nuas, sentem-se sós. Sós, enfrentam agruras.
Ele era jovem. De coração enregelado. Atravessava tempos sombrios. Meses sem esperança. Dias sem planos. Horas sem sentido. Minutos sem sabor.
Até a conhecer. Sol da vida. Deu-se-lhe por inteiro. Foi olhar sorridente. Foi ouvido inteligente. Foi palavra adocicada.
Tamanha luz derreteu-o. Entrou noutra estação. A do acreditar. A da esperança. A do renascer. Era a Primavera. Da vida!

Margarida Leite, 46 anos, Cucujães                              

Desafio RS nº 29 – sempre frases de 3 palavras apenas

Sem comentários:

Enviar um comentário