15 dezembro 2014

Um bem precioso

Sentia-me inquieto, inseguro. Nada melhor para acalmar que um passeio pelas margens do ribeiro.
Segui por caminhos sinuosos. Sentei-me numa zona rochosa. Ouviam-se ao longe, sons melodiosos de vozes calorosas. Eram os alentejanos que vaidosos pelo prémio recebido e bem merecido ensaiavam, cantando  à capela sob a velha árvore frondosa.

O sol  estava esplendoroso,  paisagem maravilhosa.   
Moças airosas  e caprichosas passaram  com gargalhadas e chalaças.
Corajoso, segui-as. Sorriram-me, senti-me orgulhoso
A natureza é majestosa!
Um bem precioso

Rosélia Palminha, 66 anos, Pinhal Novo
Desafio RS nº 20 – 14 palavras acabadas em -oso, -osa


Sem comentários:

Enviar um comentário