30 dezembro 2014

Palavras

É difícil escrever, e eliminar uma letra
Mas amiga que dizer da amizade que alastra
E falar da magia, e também da alegria
Que alegra, e embeleza meus dias
Perfumam céu mar e cheiram a maresia
Diz-me se seria agradável, a vida ser infindável?
Que maravilha seria perfeitamente incrível.
Admira as estrelas cintilantes
E a lua a iluminar teu amante, é deslumbrante
É estranha esta escrita, mas perfeitamente aceitável
Escrever para mim é viver, é quase irresistível.

Maria Silvéria dos Mártires, 68 anos, Lisboa

Desafio nº 76 – escrever sem a letra O

Sem comentários:

Enviar um comentário