12 outubro 2014

Caminhos do Romântico

Mas tu sabias o quanto chove no outono. Se querias fazer o caminho Romântico entre a rua do Gólgota e os jardins do Palácio de Cristal, bem sabias que deverias levar chapéu. Agora mais pareces um pato ensopado a sair do lago. Mas tu sabias que o melhor desta cidade cinzenta e triste, onde pedras graníticas encerram histórias de encantar e desencantos de assombrar, é mesmo assim. Inesperada e sombria. Ah! Se sabias! Inesperado… encontrar a canforeira!

Alda Gonçalves, 47 anos, Porto
Desafio RS nº 18 – frases repetidas no texto

Canforeira – árvore centenária existente na Rua do Gólgota, (junto à Faculdade de Arquitetura) no Porto

Sem comentários:

Enviar um comentário