24 dezembro 2013

Lá longe

Era uma vez uma menina que tinha muitas saudades da sua terra natal, lá longe, no país das uvas.
A menina guardava no seu coração as lembranças dos serões à lareira, embrulhando-as com o laço da intemporalidade. Esse recordar era o seu melhor presente.
Os anos passaram, mas nada mudara na sua essência; aquela noite era sempre mágica e todos estavam sempre muito felizes.
Ao imaginar como seria lá longe, no país das uvas, a menina sorria.

Clara Oliveira, 31 anos, leitora do Instituto Camões em Pequim

Desafios 28 e 29 – Natal e Passagem de Ano

Sem comentários:

Enviar um comentário