23 maio 2013

Cai uma gota


Num oceano sem dor
Cai uma gota com amor,
Não tem frio nem calor,
Mas sente uma profunda dor.

Cai logo e espalha-se,
Sem se ouvir nenhum clamor.
Entre as profundezas.
Do oceano entra a sua beleza.

No azul do seu oceano,
Está sempre andando.
Com a sua beleza
Escorregando.

Entre as suas margens,
Existe clareza e amor.
Anda sempre bem vestida,
Como a professora Margarida.

Fátima e Cristiana, 10 anos, Vila Nova de Poiares

Sem comentários:

Enviar um comentário