31 maio 2012

Mais desafios nº 7!


O ANIVERSÁRIO
O aniversário da Marta aproximava-se e o Miguel desejava fazer uma surpresa. Mas o dia 7 do mês 7 estava a bater à porta e ele não tinha nenhuma ideia. Pediu ajuda à mãe, cujo rosto assumiu as 7 cores do arco-íris. Virou-se para o pai que também não acreditou no seu gesto, mesmo repetindo-o 7 vezes. Acabou por comprar 7 presentes e esperou 7 dias. 7 minutos, foi o tempo que a irmã levou a desembrulhá-los.
Maria Jorge


Fernando riu o caminho todo até à casa de banho. Aqueles sete eram demais. Mas logo o sorriso murchou, quando descobriu que restavam pouco mais de sete gotas de água.
–Estás ensaboado? – gozavam os sete.
Saiu furibundo, a tempo de os ver desaparecer, impressionado pelos sete pares de pés que ganhavam asas.
Aguardou. Os sete não podiam ficar eternamente escondidos.
Foram sete nuvens a resolver a questão, ao derramar a chuva forte e fria sobre os sete.
 Quita Miguel, 52 anos, Cascais

O NÚMERO SETE
Já pensaram como o número 7 está presente em muito do que nos rodeia? Os marinheiros medievais navegaram por 7 mares, as notas musicais são 7, os pecados igualmente 7, até 7, são os dias da semana. Sem esquecer as maravilhas do mundo que são sempre 7 e já vêm dos tempos antigos. E muito mais podia enumerar com o 7, mas como as vezes se esgotaram, deixo aqui uma pergunta pertinente. Que magia esconde este número?
Maria Jorge

2 comentários:

  1. Quantas histórias lindas! beijos,chica

    ResponderEliminar
  2. Só hoje, recebi 15!!! Isto deixa-me fascinada - adoro...

    ResponderEliminar