02 maio 2012

Abril 2012 - filhos


Joel era um besouro tonto. A única coisa que fazia mesmo bem era aquele bbbbbzzzzzzz rouco, que fazia encolher os humanos quando passava. Assim tonto, voava aos ziguezagues, a rasar as paredes, os malmequeres, os postes, tudo…
Certo dia o vento, outro tonto, resolveu meter-se com o Joel. Se antes os ziguezagues eram tontos, ficaram ainda mais tontos! Lá ia ele, desgovernado!, tão desgovernado que… chocou com o seu grande amor – a Joelina!
Há besouros com sorte… 
histórias - Margarida Fonseca Santos; ilustrações - Francisca Torres 

4 comentários:

  1. Lindo! Mas outra coisa não seria de esperar. Bom feriado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :)
      O que nós nos temos divertido com isto...
      Um grande beijinho!

      Eliminar
  2. É pena.. aqui não se pode pôr LIKE!!!!!!!
    LIKE! LIKE!LIKE!
    Sandra Lopes

    ResponderEliminar